Os 5 erros do vestido de Jennifer Lawrence no Globo de Ouro

Rosângela Espinossi
Publicado em

reprodução/twitter

A talentosa atriz Jennifer Lawrence não tem sorte mesmo no tapete vermelho. Depois do tombo com o vestido Christian Dior ao receber a estatueta no Oscar de 2013, dessa vez bombou nas redes sociais com piadas sobre o vestido usado no Globo de Ouro, na noite de domingo (12). Era outro modelito Christian Dior. Comparado ao figurino de Ariel, de “A Pequena Sereia”, à linguiça, à colcha, a bolo, muitos internautas fizeram paródia do look.

Mas por que tanta polêmica? Separamos 5 problemas presentes no vestido da coleção outono-inverno 2013, desfilado em junho, em Paris.

1 – As duas fitas pretas horizontais cortaram o look em três partes e acabaram dominando o visual.

2 – A silhueta da atriz ficou dividida e, sim, lembra o acondicionamento de embutidos ou um bolo de três andares.

3 – A parte do meio mais fofa amplia a região dos quadris e a saia acabou ficando mais ampla do que o necessário, numa linha que pode ser remetida a uma saia de vestido de noiva.

4 – Os cortes horizontais são um prato cheio também para achatar a silhueta.

5 – O efeito é ainda mais potencializado com o fundo branco e as faixas pretas.

Jennifer Lawrence tem um corpo perfeito, com medidas certinhas. E o modelo nem ficou assim tão horroroso na atriz, que agora exibe cabelos curtos e loiros. Mas se não tivesse esse corpo, o resultado teria sido catastrófico. A atriz só se veste com Dior, porque é uma das garotas-propaganda da tradicional marca francesa, mas seu stylist deveria fazer algumas outras escolhas dentro da vasta opção que a grife oferece.

Entre os mais de 50 looks mostrados no desfile de alta-costura, com certeza há um que faria papel bem melhor do que esse bicolor. No desfile, aliás, o modelo proposto pelo estilista Raf Simons foi apresentado com um cinto e mais a faixa debaixo. Um luva bicolor (marrom e preta) completava o look. Pelo menos isso foi amenizado pela atriz, com a opção de pulseiras e uma clutch preta.

Espera-se que no Oscar, em que ela deve estar presente, a solução seja uma roupa mais simples e ao mesmo tempo chique. Dior tem de sobra. Nada de saias enormes para evitar tropeços e tombos, nem modelos efeito linguiça.

Reprodução/www.dior.com.br

O modelo foi apresentado no desfile de alta-costura da Dior, em julho de 2013, em Paris