Saia mídi: veja 3 lições de Hickmann para alongar a silhueta

Apresentadora escolheu looks estilo ladylike, usados com a mesma sandália nude

Rosângela Espinossi
Publicado em
Ana Hickmann (Foto: Divulgação)

Ana Hickmann (Foto: Divulgação)

Ana Hickmann apostou em três looks estilo ladylike, com saia mídi e a mesma sandália, para se apresentar no program “Hoje em Dia”, da Tv Record. As produções são femininas, conferindo ar de tranquilidade a quem usa, mesmo em cores mais escuras. A apresentadora tem as pernas longas, mesmo assim, o comprimento mídi pode cortar a silhueta. Imagine então as mulheres com estatura mais baixa ou pernas mais curtas?

Exatamente por isso, a sandália escolhida por ela fez toda a diferença nos três looks. Trata-se de um modelo nude, com uma tira só, chamadas thin stripes. A tom do calçado, que se assemelha à cor da pele dela, é fundamental para não dividir a perna do pé. Isso criaria uma linha horizontal, que achataria a silhueta.

Ana Hickmann (Fotos: Divulgação)

Ana Hickmann (Fotos: Divulgação)

#ficaadica1: O calçado nude não é só o bege, mas o tom da pele de quem usa. Assim, escolhendo a cor que mais parece com a da pele, o efeito do calçado é arrebatador no sentido de alongar a silhueta. Por isso, deve-se observar bem esse detalhe na hora de comprar o acessório. Uma negra deve optar por calçados marrons, enquanto as bem clarinhas, por cores mais pálidas, como Ana Hickmann..

#ficaadica2: Quando for comprar um sapato, vá com uma saia e sem meias coloridas. Prove um preto e um nude do mesmo modelo. Você vai ver a diferença entre um e outro.

#ficaadica3: A sandália chamada thin stripes, com uma tira só, como a de Ana Hickmann é curinga, pois pode ser usada com vários looks e ocasiões. Vale o investimento.

#ficaadica4: As baixinhas devem tomar cuidado com o comprimento mídi, que fica abaixo dos joelhos ou até o meio da batata da perna, porque pode achatar a silhueta. A dica é apostar em uma peça um pouco mais curta ou investir em truques alongadores, como decote V, look monocromático e calçado nude.

Confira os três looks e a explicação de Ana Hickmann sobre cada um. 

Total black

Ana Hickmann (Fotos: Divulgação)

Ana Hickmann (Fotos: Divulgação)

O look total black vem com peças de texturas diferentes, trazendo blusa de manga levemente bufante, que realça os ombros e decote em V.  “Investi em acessórios com pérola para compor com essa produção total black. Escolhi chocker de pérolas pequenas, brincos, anel e enfeite de cabelos”, explicou a apresentadora.

#ficaadica5: O decote em V é ótimo aliado para alongar a silhueta em looks compostos por saias mídi., assim como a monocromia, aqui em preto.

Vestido floral

Ana Hickmann (Fotos: Divulgação)

Ana Hickmann (Fotos: Divulgação)

O vestido floral traz um ar retrô, revisitando os looks dos anos 1940 e 1950, bem ao estilo ladylike. Ou seja, produção bem feminina com uma pitada vintage, que pode trazer saias mais amplas ou retas e dorso mais ajustado. “O vestido floral é trabalhado com um monte de botões na parte da frente, marcando bem a cintura com um cinto na mesma estampa. Ao mesmo tempo que vem com um tom bastante leve, tem uma estampa alegre e feliz. É perfeito para esse momento do programa, em que damos ênfase ao jornalismo”.

#ficaadica6: O tom da roupa também traz efeito alongador, porque se mimetiza com o tom da pele de Ana. Boa aposta para quem quer usar saia mídi sem cortar a silhueta.

Saia de couro e blusa sem gola

Ana Hickmann (Fotos: Divulgação)

Ana Hickmann (Fotos: Divulgação)

Esse look com saia de couro reta e blusa delicada em tom claro também é sinônimo do estilo ladylike. Feminino, discreto e elegante. “Como a saia de couro tem botões dourados, escolhi camisa sem colarinho, com leve textura no tecido, para criar um look mais sofisticado”, afirmou Ana Hickmann.

#ficaadica7: Veja como a saia mídi, mesmo escura, não achata a silhueta, porque vem com cintura alta, alongando o visual. A cor da blusa e da sandália completa com delicadeza a produção.