Quadril grande, seio pequeno? Slama fala qual o biquíni ideal

Especialista em moda praia, Amir Slama dá dicas e fala das tendências

Rosângela Espinossi
Publicado em
Amir Slama - biquíni (Foto: Divulgação)

Amir Slama (Foto: Divulgação)

Não, ninguém vai para a praia agora. Não pode, nem deve. Mas nesses dias de isolamento, que tal conhecer mais seu corpo e todas suas possibilidades, para quando puder voltar às areias e às piscinas, apostar em biquíni e maiô que valorizem sua silhueta?

Em conversa ao vivo pelo Instagram do “Elas no Tapete Vermelho”, na noite desta terça-feira (31), o estilista Amir Slama falou sobre como escolher o biquíni ideal, sobre algumas tendências atuais e respondeu algumas perguntas. Confira alguns dos conselhos do estilista, um dos preferidos de Anitta, e prepare-se para suas próximas férias, quando tudo voltar à normalidade.

Quadril largo

Na minha opinião, esteticamente falando, não que seja uma verdade, a calcinha ideal para quem tem quadril largo são as que vêm um pouco levantadas, sem tampar o quadril com o tecido, assim alonga as pernas.

Anitta mostra 3 tendências nas peças de Amir Slama: biquíni asa-delta, top com colar e branco (Foto: Reprodução/Instagram)

Anitta mostra 3 tendências nas peças de Amir Slama: asa-delta, top com colar e branco (Foto: Reprodução/Instagram)

Asa-delta

Dentro desta proposta para alongar as pernas, as de modelagem asa-delta são perfeitas. Começaram a voltar nas passarelas há, mais ou menos, dois anos. Mas na verdade, nunca saíram das praias. Mesmo com calcinhas retas no mercado, tendência mais usada no exterior, as brasileiras sempre levantavam, deixando as pernas mais alongadas e sem cobrir o quadril.

Seios

Para seios pequenos ou grandes, as mulheres sempre preferem o modelo cortininha, porque é o melhor para tomar sol. Hoje há modelos com bojos, que podem ser tirados ou colocados. De qualquer forma, há várias opções para dar sustentação aos seios. E acredito que as mulheres atualmente sabem qual modelo é melhor para cada uma. Antes, quando comecei, muitas faziam cirurgia para diminuir os seios. Depois com a consciência corporal, começaram a usar sutiãs que valorizavam os seios, como os meia-taça, com bojo, mas o modelo cortininha é a vedete da praia.

Biquíni branco

O biquíni branco é bem aceito, mas é preciso que tenha bom forro, para que não fique transparente. A brasileira gosta de peças pequenas, mas não aceita muito a transparência, como em outros países, em que até o topless está liberado. Em alguns modelos, coloco até forros coloridos. Aliás, o forro tem de ser sempre de bom material, algumas vezes faço com o mesmo tecido do biquíni. Para cuidar de um biquíni branco, o ideal é lavar em água corrente e sabão neutro assim que chega da praia, para que os produtos não fiquem impregnados.

Anitta usa maiô engana-mamãe de Amir Slama com detalhes de metal (Foto: Reprodução/Instagram)

Anitta usa maiô engana-mamãe de Amir Slama com detalhes de metal (Foto: Reprodução/Instagram)

Metal

Já fui criticado por usar peças de metal na moda praia. Anos atrás, quando lancei biquínis com letras de metal em que as modelos formavam as frases que queriam, uma famosa editora de moda da época escreveu que metal no sol queimava a pele. Mas isso não acontece. Se você usa objeto de metal no sol e ele estiver junto à pele, não vai queimar, porque recebe calor ao mesmo tempo. Se estiver separado da pele e depois encostar nela, aí sim pode queimar. Gosto muito do estilo adotado por Anitta, com correntes de corpo, mesmo para ir à praia. Fica muito legal e diferente.

Praia democrática

A praia é um território democrático, mesmo quem tem celulite ou estria se sente à vontade, porque ninguém vai ficar olhando muito tempo, há respeito. As mulheres mais velhas, de 50 ou 60 anos, também podem usar o que querem, porque hoje há essa consciência corporal, há um movimento pela saúde e bem-estar. Muitas apostam até em peças pequenas e ficam lindas. Não há uma diferença muito grande entre mais velhas e mais novas. Um conselho que eu dou é sempre ter o espelho como aliado, para saber o que favorece o corpo e o que se quer disfarçar.

Cores

Eu estava pensando numa coleção inspirada em sol e em sertão, então as cores seriam amarelo, laranja, mas há algumas tonalidade que sempre são bem-vindas na praia, como turquesa, verde. Os beges também estão sendo bem aceitos há algum tempo.

Jojô Toddynho no desfile de Amir com body Dona de Si (Foto: AgNews)

Jojô Toddynho no desfile de Amir com body Dona de Si (Foto: AgNews)

Fora da praia

Já faz tempo que biquínis e maiôs são usados fora da praia. Por isso, tenho feito tops e maiôs com enfeites, que lembram colares (como o biquíni branco usado por Anitta nas Maldivas, foto no alto). É uma tendência que veio para ficar. Compondo com saias e calças, dá para ir até em festas. Fizemos um desfile que mostramos bem isso, com bodies e saias longas. Os maiôs usados fora de praia são ideais para todos os tipos de corpo e silhueta. Isso também foi mostrado no desfile em que apresentamos a coleção Dona de Si, feita em parceira com a atriz Suzana Pires.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Amir Slama (@amirslama) em

Sungas

Os homens também pedem inovações em moda praia. Recentemente, lancei uma coleção com sunga com 3 cm na lateral, numa referência aos anos 1970. Claro que nem todo mundo vai usar, mas há quem goste. Mesmo os malhados nem sempre gostam das sungas finas, como Erasmo Viana (Marido de Gabriela Pugliesi), que só usa modelos mais largos. Vai da personalidade de cada um, mas é preciso ter opções para todos. Por isso, temos 5 ou 6 modelos de sunga para cada um escolher o seu.

Veja a Live completa aqui

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Elas No Tapete Vermelho (@elasnotapetevermelho) em