“MetGala terá looks doidos e espalhafatosos”, diz especialista

Rosângela Espinossi
Publicado em
Lady gaga (Foto: Reprodução/Instagram/@ladygaga)

Lady gaga (Foto: Reprodução/Instagram/@ladygaga)

O baile anual do Metropolitan Museum,  em Nova York, acontece na noite desta segunda-feira (6), cujo tema da exposição (e do baile) é “Camp: Notes On Fashion”, inspirado no ensaio “Notes on Camp”, escrito pela crítica cultural Susan Sontag, em 1964. A palavra “camp” foi usada pela escritora para definir o amor por tudo aquilo que é extravagante, exagerado, não-natural. Ou seja, se o chamado MetGala já um terreno perfeito para looks do gênero, com o tema deste ano, é de se esperar tudo e mais um pouco.

Em entrevista ao “Elas no Tapete Vermelho”, o apresentador e stylist Brad Goreski, que comenta os looks do red carpet para o canal E!Entertainment, diz que está “torcendo para ver vários looks doidos e espalhafatosos”. E acrescenta: “Estou incentivando as pessoas a fazerem isso, porque assim será um tapete muito mais divertido para comentar.”

Brad Goreski (Fotos: Divulgação/E!Entertainment)

Brad Goreski (Fotos: Divulgação/E!Entertainment)

Para ele, não podem faltar “muitas plumas, paetês e miçangas”. E se depender dos coanfitriões da noite, a expectativa é de monotonia zero. Lady Gaga, que já vestiu look totalmente feito de carne, no MTV Awards, de 2010, encabeça a lista de hostess, ao lado da tenista Serena Williams, que usou tutu de balé numa partida de tênis, e de Alessandro Michele, diretor criativo da Gucci, que para a coleção de inverno 2019 da marca, levou modelos segurando réplicas da própria cabeça na passarela. O time de coanfitriões é completado por Harry Styles, da banda One Direction.

“Ao contrário de outros tapetes vermelhos, como Globo de Ouro ou Grammy, os convidados do MetGala se sentem mais seguros para sair de sua zona de conforto e vestir algo mais extravagante e espalhafatoso”, afirmou Brad, que compara o MetGala ao Super Bowl (final anual do campeonato de futebol americano nos Estados Unidos). “É o tapete vermelho onde moda, arte, música e política se misturam”, acrescentou Brad.

E ele tem razão, os convidados do MetGala não costumam economizar criatividade em seus looks. No ano passado, com o tema  “Heavenly Bodies: Fashion and the Catholic Imagination”, ou, em português, “Corpos Celestiais: Moda e a Imaginação Católica”, Rihanna se vestiu de papisa, com direito a todos os elementos do figurino e uma pitada sensual.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Uma publicação compartilhada por badgalriri (@badgalriri) em

No esquenta para o MetGala 2019, Lady Gaga apostou na festa pré-evento neste domingo (5), com look de Marc Jacobs, desfilado na última semana de moda de Nova York. Listrado e amplo, não faltam exagero e tecido no vestido escolhido por ela, combinado com botas e meias pedras. Um fascinator na cabeça e uma microbolsa (tendência) na mão completaram o look.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Met Gala countdown 🍾 #fashion #metgala #camp #ladygaga

Uma publicação compartilhada por Lady Gaga (@ladygaga) em